A Holding Higi Serv, empresa responsável por diversos serviços terceirizados no Aeroporto Internacional Afonso Pena, região metropolitana de Curitiba (PR), comemora mais um resultado de destaque do Terminal. Além de liderar, consecutivamente, os primeiros lugares do ranking dos melhores aeroportos do Brasil nas Pesquisas de Satisfação do Passageiro e de Desempenho Aeroportuário- divulgadas a cada três meses pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil- o Afonso Pena passa  a fazer parte da lista dos 15 melhores da Avaliação Mundial dos Aeroportos,  da AirHelp Score.

Todos os anos, a consultoria realiza o estudo que compara os terminais em três critérios diferentes: desempenho, serviços e infraestrutura geral.  Na lista dos mais bem avaliados deste ano –  em que aparecem aeroportos como Hamad International Airport, Catar; Athens International Airport, na Grécia, Singapore Changi Airport, de Singapura; Chubu Centrair International Airport, Kansai International e Airport Haneda Airport, no Japão; Cologne Bonn Airport, na Alemanha enyre outros-  o Afonso Pena ocupa a 12ª  posição.

No aeroporto de Curitiba, a Higi Serv é responsável pelos serviços de proteção (raio- X), limpeza e conservação, movimentação de carrinhos de bagagem, copa, carga e descarga, desinfecção, descupinização, desratização e desinsetização.

“A avaliações positivas do Aeroporto Afonso Pena comprovam a eficiência Higi Serv porque o nosso trabalho impacta diretamente na experiência do passageiro. Seguimos padrões de qualidade internacionais e este resultado na AirHelp Score indica que os investimentos que fazemos em tecnologia, qualificação e capacitação dos colaboradores estão dando certo”, comenta  Adonai Aires de Arruda, presidente da Higi Serv.

A atuação da Holding Higi Serv no setor aeroportuário vem crescendo expressivamente nos últimos anos. Atualmente, as empresas do grupo já prestam serviços nos principais aeroportos da região Sul do Brasil: Curitiba, Foz do Iguaçu e Londrina, no Paraná; Florianópolis, Navegantes e Joinville, em Santa Catarina; e Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Apenas na Higi Cargo, uma das empresas da Holding, o faturamento cresceu mais de 500% em 2017, em relação a 2016, e segue, em 2018, com a expectativa de dobrar o resultado do ano passado. “Queremos crescer ainda mais e conquistar novos aeroportos no Brasil e também do exterior” finaliza o executivo.

Sobre a Higi Serv:

A Holding Higi Serv completa, em 2018, 41 anos de atividade. Especializada em terceirização de serviços, atua em todo país e possui cerca de seis mil colaboradores. A Holding engloba as empresas HSTL, Higi Serv Cargo, Higi Serv Serviços, Higi Serv Limpeza & Conservação, Orkin, Usipar e também atua no setor de turismo com as empresas  BWT Operadora e Serra Verde Express.  O executivo que comanda a Holding Higi Serv é também presidente do Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação do Paraná (SEAC-PR), desde 1996, presidente da Fundação de Asseio e Conservação do Estado do Paraná (FACOP), desde 2003, membro efetivo do Conselho Nacional do SENAC junto a CNC, foi presidente da Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação (Febrac)  entre 1999 e 2004, e o único brasileiro a presidir a World Federation of Building Service Contractors (WFBSC).

Fonte: Click Paraná.

 

 

 

 

 

Empresa responsável por diversos serviços no Terminal desponta no setor, já atua nos maiores aeroportos do Sul do Brasil e estima dobrar faturamento em 2018.

 

 

 

 

 

 

 

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Hsites, Especializados em Web para a área Médica

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?